nota Anvisa: Azeite Proibido

A Anvisa comunicou no início de abril  que proibiu a distribuição e comercialização do lote 16D18 de azeite extra virgem da marca Olivenza, válido até 04/2019. O órgão informa que o produto da empresa Olivenza Indústria de Alimentos possui um nível de iodo acima do permitido, indicando adulteração do produto original

O teste foi realizado pelo instituto Adolfo Luts e a decisão publicada no Diário oficial. A empresa é reincidente, pois em 2015 já havia teve outro lote reprovado e apesar de receber sanções voltou a praticar novamente a falsificação do produto.

A mesma empresa teve um uma outra marca de azeites, o Torre de Quintela, reprovada na nas análises do Proteste, um órgão não oficial de análises de produtos.

É uma pena que que as penalidades sejam tão brandas e que a proibição seja por lote. A lucratividade com a fraude compensa mesmo com as penalidades. Outros países, como a Itália estão desenvolvendo sanções mais duras, incluindo até prisão dos envolvidos.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s